Publicidade
Colunas

Checklist do Lula

Foi na Faculdade de Comunicação da UFJF que, depois de uma disputa pouco amigável pela direção, um professor comentou com outro, que era apoiador da chapa vencedora: agora vocês vão poder… E foi cortado: vocês não: ele; a gente só apoiou a chapa, agora é ele que dirige a faculdade.

Eleição muito madura, que junta um povo só porque é contra outro e depois deixa o vencedor sozinho. Pois ele dirigiu quase abandonado a faculdade e dela saiu pra ser feliz em sala de aula quatro anos depois. Segue maior, mas não foi fácil.

Eleger o Lula é somente o primeiro passo e deixá-lo sozinho não é bom pro país. Há vários outros passos a serem buscados depois do pleito. Seguem alguns de tantos:

  • evitar a guerra civil a partir do resultado das urnas
  • fazer o outro lado entender que as urnas funcionam
  • dialogar com o Centrão
  • dialogar com quem não é do Centrão
  • entender como estão os ministérios
  • aplacar o ódio da população
  • impedir os planos do Paulo Guedes até que ele saia do governo
  • receber a faixa presidencial (mesmo que o Bolsonaro não queira entregar)
  • aprovar a regulamentação da mídia
  • suprimir o teto de gastos com educação e com saúde
  • restabelecer os direitos trabalhistas e previdenciários
  • investir em cultura
  • estudar e aprimorar a segurança pública (e não distribuir armas)
  • permitir que o brasileiro coma mais frango (é… voltamos a esse ponto…)
  • restaurar a credibilidade internacional
  • fortalecer o SUS e o SUAS
  • investir em educação pública de base tanto quanto na superior
  • parar com o garimpo ilegal
  • e com tudo de ilegal que fizeram e fazem na Amazônia e no Pantanal
  • incentivar a vacinação (Brasil sempre foi referência internacional)
  • demarcar terras indígenas
  • tirar o Brasil do mapa da fome
  • retomar diálogo com a Argentina (maior parceira comercial do Brasil na AL)
  • recuperar o controle sobre os preços dos combustíveis
  • desnaturalizar absurdos e preconceitos
  • combater violências e opressões
  • retomar o respeito pela imprensa
  • educar politicamente a população brasileira

Nada precisa seguir a ordem acima, mas, se o Brasil conseguir alcançar o último item, temos esperança de um futuro democrático.