EleiçõesHolofote

Lula dominou a Zona da Mata. Bolsonaro foi melhor só em Muriaé e mais oito cidades

Lula venceu Bolsonaro em 93% dos municípios da Zona da Mata (Foto: Reprodução)

Com 757.768 votos, a Zona da Mata foi a região onde o ex-presidente Lula (PT) teve seu segundo melhor desempenho em Minas Gerais. O petista conquistou mais votos apenas na região Central do estado. Proporcionalmente ao tamanho do eleitorado, suas vantagens foram maiores nos vales do Jequitinhonha e Mucuri e no Norte de Minas, respectivamente com 63,95% e 60,80% dos votos válidos.

Em todo o estado, Lula ficou à frente do presidente Jair Bolsonaro (PL) em 630 dos 853 municípios, o que representa 73% do total. O petista se saiu melhor no interior do estado, onde conquistou 49,1% dos votos, enquanto o candidato do PL obteve 43,1%. Bolsonaro, no entanto, ficou com 46,6% dos votos de Belo horizonte contra 42,5% do ex-presidente.

A boa performance na Zona da Mata foi puxada por Juiz de Fora, onde Lula obteve 167.048 votos. Ao todo, ele saiu vencedor em 133 dos 142 municípios da região. O presidente Jair Bolsonaro (PL) conseguiu vantagem em apenas nove cidades, sendo a maior delas Muriaé, onde venceu por uma diferença de 1.391 votos. Seu melhor percentual foi em Alto Caparaó, com 67,33% dos votos válidos.

Dos 10 maiores colégios eleitorais da Zona da Mata, Lula venceu em oito e Bolsonaro em apenas dois. O melhor desempenho proporcional ao número de votos válidos do petista na região foi registrado em Pedro Teixeira. Dos 1.931 votos válidos computados no município, Lula obteve 1.407 (72,86%) e o atual presidente ficou com 363 votos.

Publicidade