Publicidade
ContextoEleições

PT se fortalece em Juiz de Fora com Lula, Ana Pimentel e Betão, mas vê Ione se consolidar

Ana Pimentel, Margarida e Betão refletem força do PT; Ione se consolida como liderança (Fotos: Reprodução/Redes Sociais)

A liderança do ex-presidente Lula (PT), o bom desempenho do senador Alexandre Silveira (PSD), a eleição de Ana Pimentel (PT) como deputada federal e a reeleição de Betão (PT) como deputado estadual retomaram o protagonismo do PT e seus aliados em eleições gerais em Juiz de Fora. Apenas em 1994, com o próprio Lula, e 2018, com Fernando Haddad (PT), a esquerda não venceu no município.

Especificamente neste ano, os resultados também demonstram a força política da gestão da prefeita Margarida Salomão (PT). Após começar a campanha dividida entre as candidaturas de Ana Pimentel e do presidente da Câmara Municipal, vereador Juraci Scheffer (PT), que também concorria a uma cadeira na Câmara dos Deputados, Margarida foi decisiva para a vitória de sua ex-secretária de Saúde.

Betão conseguiu ampliar sua votação e se tornou o deputado estadual majoritário em Juiz de Fora. Chama atenção o avanço do seu eleitorado em outros municípios da região. Dandara Felícia (PT), que também concorreu para Assembleia de Minas, conseguiu ficar entre os dez mais votados do município, com 8.085 votos.

A festa petista local só não foi completa devido à vitória do governador Romeu Zema (Novo) ainda no primeiro turno, derrotando Alexandre Kalil (PSD), que era apoiado pelo PT. A diferença entre Zema e o ex-prefeito de Belo Horizonte (55,27% e 33,69%) em Juiz de Fora foi maior do que a vantagem de Lula para Bolsonaro (52,62% e 38,41%).

Outro revés para o PT local foi a consolidação como liderança política da delegada Ione Barbosa (Avante), que foi eleita deputada federal e ficou com o título de parlamentar com o maior número de votos no município. Em 2020, ela havia disputado a Prefeitura e conquistado 56.699 votos, ficando em terceiro lugar.

Também ligados ao presidente Jair Bolsonaro (PL) foram reeleitos os deputados estaduais Delegada Sheila (PL) e Charles Santos (Republicanos), ambos com domicílio eleitoral em Juiz de Fora. Sem nenhuma relação com o município, Nikolas Ferreira (PL) emplacou 29.404 entre os juiz-foranos e acabou frustrando as pretensões de muitos candidatos bolsonaristas locais.